Aceleradora Martech: Saiba o que é e como ela pode ser benéfica para a sua marca

Você já ouviu falar sobre o termo martech? Muito embora esse não seja um novo termo, certamente na prática você já teve contato quando usou um software ou plataforma para gerenciar suas redes sociais, por exemplo. Na entrevista de hoje convidamos o Fernando Ribeiro do Santos, CEO e Founder da Circle Aceleradora, para contar como um ecossistema martech pode ser estratégico na resolução de problemas de marketing da sua marca.

 

A mesma transformação digital que acelera negócios e transforma nosso dia a dia em uma rotina mais tecnológica e facilita tantas atividades, seja na empresa ou na nossa vida pessoal, não passa batida pelas soluções em marketing.

Estamos falando das Martechs. Como é quase possível adivinhar, o termo martech surgiu para designar empresas e soluções que unem em seu core marketing+tecnologia. E embora não seja um termo novo – e muito provavelmente sua empresa já disponha de uma ou mais soluções martech, como é o caso das ferramentas de automação de marketing, gestão de redes sociais, aplicativos, etc – raramente nos damos conta disso.

E assim como diversos outros segmentos de soluções B2B, as martechs vem crescendo cada dia mais: da geração de demandas e gestão de leads à enriquecimento de dados, análise de comportamento do consumido chegando em customer experience, as opções oferecidas no mercado são as mais variadas, entretanto, todas com uma proposta de valor em comum: ajudar sua empresa a vender mais, direta ou indiretamente.

Diante disso, como escolher a melhor opção? Ou as melhores?

Obviamente, a pergunta não tem uma resposta certa e as possibilidades são das mais variadas. Mas para ajudar a esclarecer um pouco mais sobre o assunto, fomos conversar com o Fernando Ribeiro dos Santos, CEO e Founder da Circle Aceleradora, um ecossistema de empresas martech, nascido para ajudar empresas que buscam na tecnologia e no marketing a criarem soluções criativas para os seus desafios de negócio. Vem ver!

 

circle acelaradora martech

B.done: Fernando, vamos começar pelo começo! O que exatamente é uma martech e, porque as martechs são tendências quando falamos de marketing?

Fernando: Okay, vamos lá. Falando o que é Martech.
Martech, na verdade, nada mais é do que a junção do marketing+tecnologia. Hoje cada vez mais, até nesse momento de pandemia, vimos que o marketing+tecnologia precisou se juntar para resolver diversos problemas. Todas as ações que as empresas precisam realizar apra fazer marketing, todas as ações de eventos online, de tecnologia, de QR Codes, Realidade Virtual, tudo tá focado no marketing+tecnologia.

A tendência é que, após a pandemia, esse novo normal que vai acontecer, ninguém vai viver mais sem o marketing+tecnologia. Antigamente o Marketing era mais analógico, na questão tradicional das agências de publicidade normais com veiculação em canais abertos. Mas hoje temos os canais fechados, streamings, e ainda vários outros meios de comunicação como YouTube, Facebook que precisam entrar nos planos das marcas, então o marketing+tecnologia hoje é uma coisa só, né…

Veja também:  Marketing no Olist: prioridades e aprendizados do marketing em startups.

E para mim, a tendência mais forte é acabar essa coisa de “eu cuido da área de marketing publicitário, o outro cuida do marketing de influência e o outro cuida do marketing digital”. Vejo que cada vez mais o marketing caminha para ser um marketing só, um marketing+tecnologia misturados com dados, informações, para com esses dados e essas informações relevantes a gente atinja um público alvo em produtos e serviços

B.done: A Circle é uma Aceleradora Martech. Conta para nós como que a ideia surgiu, e hoje qual o papel de vocês no processo de aceleração desses negócios e intermediação das empresas com as marcas?

Fernando: A Circle surgiu de uma gama grande de dificuldades das empresas e de uma percepção minha que os clientes cada vez queriam buscar mais informações, inteligência e estratégia, não “apenas marketing”.

Nesse sentido, vejo que cada vez mais o cliente quer buscar em um único ecossistema a solução para a marca dele, que atenda aos seus produtos e serviços. Se eu pudesse fazer um analogia sobre a Circle, eu pegaria carona na propaganda do posto Ipiranga: “-Seu posto Ipiranga é uma gama de soluções de marketing”. Afinal de contas, ele chega aqui no ecossistema e tem todas as qualidades, funções, diretrizes e skills que ele precisa para empresa dele, desde Marketing Digital, Marketing de Influência, Marketing publicitário, life marketing, branded content, programas de incentivos e tantas outras opções.

Aqui, dentro de cada uma dessas vertentes, vamos ajudá-lo a resolver as dores, de acordo com as soluções que fazem sentido para o momento e para o negócio, e que a gente acredita que terá impacto para resolver as dificuldades que ele tá tendo hoje na área de marketing dele. Então a Circle surgiu de uma ideia para ser um canal de comunicação e um ecossistema para resolver todas as dores do cliente e na área de marketing+tecnologia.

B.done: Qual o cenário das Martechs hoje no Brasil, numa perspectiva de crescimento no mercado. Existe espaço para crescer e criar novas soluções?

Fernando: O espaço de Martechs já é grande, mas não é muito divulgado e falado. Existem bastantes startups hoje dentro desse segmento. Só para se ter uma ideia, são mais de 400 startups no mercado trabalhando como Martech. Acontece que no geral, elas trabalham de forma bem segmentada, diria que cada uma no seu quadrado.

Veja também:  Posicionamento estratégico e o "novo normal": como a Agência Papoca mantém entrega, produtividade e retenção de clientes em meio a pandemia?

Só que isso dificulta o entendimento da marca ou do cliente final em saber se eles vão resolver aquele ponto importante, como, por exemplo, quando ele está com a marca para divulgar, para vender, ou para lançar um produto, etc.

Então é por isso que a gente tá trazendo a solução da Circle: para ser o celeiro, o hub, e/ou o espaço onde o cliente chega e a gente apresenta, dentro do nosso menu de empresas aceleradas, vários “CNPJs” distintos que fazem parte desse ecossistema da Circle. Com todas essas cabeças pensantes, nos organizamos para oferecer a melhor solução para ele em relação aos problemas de negócio e marketing.

B.done: A Circle nasceu da tua experiência de mais de 20 anos com a Agência Netza, e que ao longo do tempo foi agregando tecnologia nas soluções da agência, certo? Conta para gente um pouco melhor quais as motivações e oportunidades de negócio que você e o time Circle viram na criação desse ecossistema?

Fernando: Isso, a Circle surgiu também pela minha experiência de 20 anos na Netza. A Netza é uma agência de below the line e live experience, e ao longo desses anos, mesmo sem saber que era Martech ou ter o conceito cunhado ainda, sempre fizemos muito trabalho com tecnologias, usando diversas soluções tecnológicas.

Entretanto, essas ações eram sempre pontuais com eventos, ações promocionais, etc. Então, por exemplo, a Nestlé nos contratava para fazer uma ativação para o lançamento da marca dela. Então nós criávamos uma ativação de Realidade Virtual ou Realidade Aumentada que era específica para aquele produto para aquele lançamento.

O mesmo acontecia para vários lançamentos de carros que a gente já fez ao longo desses 20 anos também, utilizando bastante tecnologia como o streaming the life com plataforma para as pessoas interagirem também fora do evento, e não somente no espaço físico. Mas claro, outros tempos e naquela época isso não era muito divulgado e nem muito investido pelos clientes porque eles estavam sempre pensando no espaço físico.

Agora não! O surgimento da pandemia foi extremamente infeliz, com certeza e não negamos isso. Em contrapartida, posso dizer que a gente evoluiu uns 5 anos na tecnologia, e hoje os clientes cada vez mais estão preocupados em alternativas não apenas para o evento físico. Com isso, abriu-se espaço para pensar nas pessoas que vão estar no evento físico e, também, nas pessoas que vão estar fora do evento, muitas vezes, em qualquer parte do mundo.

Chegamos a fazer um grande evento para EMBRAER com streaming para mais de 40 países no lançamento de uma aeronave, e também para Mercedes no salão do automóvel onde fizemos toda transmissão da coletiva de imprensa via Facebook para o mundo inteiro. Então essa é, certamente, uma tendência que vão agora cada vez mais permear o mundo do marketing.

Veja também:  Relações Públicas: como uma agência de PR pode ser estratégica para a sua empresa?

B.done: E do ponto de vista das marcas, qual a vantagem de contar com um ecossistema martech como é o caso da Circle?

Fernando: A verdade é que num ecossistema Martech as marcas vão achar todas as qualificações e soluções em empresas distintas, mas em um único hub, para o problema que ele está enfrentando naquele momento. Como eu disse anteriormente, a gente é o posto Ipiranga de soluções do marketing para uma marca.

No ecossistema ele vai encontrar desde marketing digital, publicidade, marketing de influência, marketing de incentivo, branded content, living experience, etc. Todas as skills vão estar lá dentro. Precisamos ser honestos em dizer que muitas vezes, um problema, desafio ou ação depende de mais de uma solução especializada para poder fazer acontecer e sair da ideia para o mercado.

Digamos que se cada ação precisar de 1, 2 ou 3 empresas, o processo de ir atrás de cada uma delas é moroso, leva tempo de pesquisa, comparações. Se o trabalho for feito través de um ecossistema martech, no caso a gente, vamos conectar e apresentar a melhor solução para aquele problema que ele tiver.

B.done: Para finalizar, quero aproveitar um pouquinho da tua experiência aqui para uma dica de planejamento para 2021. Com todas as mudanças – e com a velocidade que elas estão acontecendo – o que as marcas não podem ignorar no seu planejamento de marketing para o próximo ano?

Fernando: Sendo bem objetivo, em 2021 as marcas todas estão se reinventando em como se aproximar dos consumidores, isso é verdade. Empresas que eram mais analógicas até então vão virar mais digitais, e vão começar a entender como fazer vendas pela internet, como melhorar a experiência com essa venda, como ter mais conexões digitais e online.
E mesmo para aquelas que já são digitais, com certeza estar preparado para uma mudança de cabeça para baixo do marketing, e agir rápida e tecnologicamente para responder à essas mudanças.

 

A Circle Aceleradora reúne empresas e agências que desenvolvem soluções Martech, e dessa forma, ajuda empresas e marcas a encontrarem em um único ambiente uma combinação de opções para resolverem seus desafios de negócios, marketing e vendas.

A Circle faz parte do Portfólio B.done, e as empresas que fazem parte do seu ecossistema estão no rol de produtos e serviços que oferecemos às marcas que buscam soluções criativas para os seus negócios. Para saber mais, entre em contato com a gente aqui.

Compartilhar artigo

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on tumblr
Share on telegram

Escrito por:

Débora Brauhardt
Débora Brauhardt
Especialista em Gestão da Criatividade e Inovação e mais de 12 anos de carreira em estratégias de negócios, marketing, customer success, gestão e internacionalização em empresas como Parque Tecnológico Itaipu, Resultados Digitais e Octadesk.