Marketing B2B x B2C: conheça as diferenças

Seria muito mais simples agrupar todos os tipos de marketing em uma única categoria: marketing. No entanto, diferentes tipos de negócios exigem diferentes estratégias de marketing. Adicione ainda o fato de que há uma grande variedade de canais, de produtos, serviços, modelos de negócios… e por isso, desenha uma estratégia de marketing se torna sempre uma tarefa única e desafiadora.

É por isso que categorias como B2B e B2C tornam-se fundamentais quando se trata de determinar o tipo de marketing certo para cada empresa. Neste artigo, compartilho as diferenças entre o marketing B2B e B2C e, porque elas podem ser importantes para o seu negócio:

Para começar: “B2B” x “B2C”: qual o significado?

Existem muitas siglas no marketing e esses termos são amplamente usados ​​porque a maioria das empresas se enquadra em uma dessas duas categorias.

  • B2B significa “business-to-business” e se refere ao processo de venda de produtos ou serviços para outras empresas. Alguns exemplos de negócios B2B incluem Oracle, Salesforce (CRM e ferramentas de vendas para empresas) ou RD Station (software de marketing digital para empresas).
  • B2C significa “business-to-consumer” e se refere ao processo de venda de produtos diretamente aos consumidores. Alguns exemplos de algumas empresas B2C incluem Nike (vende roupas esportivas para clientes) e Magalu (vende utensílios domésticos para clientes).

 

Principais diferenças entre marketing B2B e B2C

B2B e B2C são segmentos que se diferem em mais maneiras do que apenas pelo nome. Existem algumas diferenças importantes em como esses tipos de marketing são usados ​​para atingir o público-alvo de uma empresa.

Se você está procurando lançar uma campanha de marketing eficaz para o seu negócio, você precisará considerar se o seu negócio é B2B, B2C ou outro. Para ajudá-lo a determinar a estratégia certa para sua empresa, pode contar comum agência da B.done e também analisar algumas diferenças:

Público

A principal diferença entre o marketing B2B e o marketing B2C é para quem você está fazendo marketing. Com o B2B, seu público-alvo são outras empresas. No B2C, seu público é o consumidor final.

Agora, isso não significa que você está querendo comunicar com todo o mercado. Mas essas categorias são úteis quando se trata de estabelecer a estratégia de marketing afuniladas para sua empresa, principalmente se o foco é performance e vendas. Depois de saber se sua empresa é B2B ou B2C, você pode ser mais específico quando se trata de seu público-alvo.

Com o B2B, você tem como outra empresa, seja ela inteira ou um setor específico. Seu objetivo é atingir um único tomador de decisões ou um público maior que está preocupado com o negócio como um todo e que estão procurando produtos ou serviços que ajudem a melhorar o negócio.

Com o B2C, por outro lado, você está irá alcançar um único tomador de decisões que está procurando por produtos ou serviços que atendam às suas necessidades.

Canais de comercialização

As empresas B2B e B2C podem usar diferentes canais de marketing para atingir seus públicos-alvo. Eles também podem usar os mesmos canais, mas suas abordagens serão diferentes porque estão tentando alcançar empresas ou consumidores, respectivamente.

Como as empresas B2C têm como alvo os consumidores, seu público-alvo pode ser encontrado em qualquer lugar. Quase todas as plataformas podem ser usadas, embora seja melhor definir os canais que são melhores para o seu setor específico – por exemplo, Instagram para marcas de moda ou LinkedIn para indústrias.

As empresas B2B têm como objetivo alcançar decisores dentro de outros negócios, portanto, eles podem precisar ser mais seletivos nos canais que escolherem. Considere onde outros proprietários de negócios estão passando – LinkedIn ou Facebook.

Você também pode usar ferramentas específicas de geração de leads de B2B para alcançar proprietários de empresas que visitam seu site, clicam em seus anúncios e muito mais.

Tom de voz

A linguagem usada pelas empresas B2B em seu conteúdo de marketing será diferente da linguagem das empresas B2C.

O tom de voz para negócios B2B geralmente inclui termos e jargões específicos do setor que são familiares aos tomadores de decisão da empresa que está tentando alcançar. A linguagem pode estar mais relacionada ao conhecimento da marca no setor do que às características dos produtos ou serviços em si.

A linguagem de marketing B2C atrairá o consumidor individual. Essa linguagem pode ser definida através de pesquisas de mercado que informam à marca quais termos ou frases podem ser identificados por seu público-alvo. Pode ser mais baseado em uma história ou persuasivo. De qualquer maneira, uma linguagem acessível e simplificada é fundamental.

A linguagem B2B tende a ser mais formal do que a linguagem B2C. O objetivo aqui geralmente é comunicar autoridade, enquanto no B2C, o objetivo é construir um relacionamento por meio de um tom mais acessível.

Motivação de compra

Os públicos B2B e B2C também serão diferentes no que diz respeito ao que os motiva a tomar a decisão de compra. Isso ocorre porque eles têm diferentes desejos, necessidades e pontos de dor.

Embora a emoção possa desempenhar um papel em seus esforços de marketing, o marketing B2B tende a se concentrar mais em fatos, lógica, eficiência e acessibilidade. As empresas muitas vezes procuram novas maneiras de permanecer enxutas e, ao mesmo tempo, aumentar a receita de seus negócios. Eles querem uma empresa que tenha os serviços ou produtos de que precisam para crescer.

O público B2C, por outro lado, é mais suscetível ao conteúdo de marketing que se alimenta de emoção. Eles são motivados a comprar produtos que os façam sentir-se bem ou alcançar um resultado final. Portanto, você desejará utilizar uma cópia de vendas atraente e destacar depoimentos de clientes para converter clientes B2C.

Ciclo de vendas

As empresas e os consumidores variam quanto ao tempo que levarão para converter ações de marketing e vendas. O ciclo geral de vendas, sem dúvida, é bem diferente.

Para o B2B, pode levar mais tempo para tomar uma decisão porque têm pouco incentivo para comprar por impulso. Geralmente, são reféns de um orçamento e decisão pode depender mais do que de uma pessoa. Além disso, eles podem estar investindo em um produto ou serviço com contrato que se estende por meses ou até anos.

O B2C, por outro lado, pode se beneficiar de compradores por impulso. O consumidor pode ver um produto e fazer uma compra em questão de minutos. O ciclo de vendas tende a ser muito mais curto. Eles podem comprar um produto de um anúncio ou algo que veem no Instagram. Com o B2B, todo o processo de conscientização até compra depende mais da construção de relacionamentos com os tomadores de decisão B2B por um longo período de tempo.

 

B2B ou B2C: Qual abordagem de marketing é a melhor para você?

Se você está no negócio de vender diretamente aos consumidores, então você desejará adotar uma abordagem de marketing B2C. Se, no entanto, sua meta é alcançar e vender para outras empresas, então o B2B é o caminho a percorrer.

A boa notícia é que o marketing B2B é fácil quando você possui estratégias corretas e profissionais experts, como agências especializadas nesse tipo de vendas.

Agende um papo com a B.done para discutir mais sobre o seu negócio e encontrar uma agência que irá apoiar o crescimento do seu negócio com estratégias aderentes à sua marca.

 

Branding para pequenas empresas

Compartilhar artigo

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on tumblr
Share on telegram

Escrito por:

Débora Brauhardt
Débora Brauhardt
Especialista em Gestão da Criatividade e Inovação e mais de 12 anos de carreira em estratégias de negócios, marketing, customer success, gestão e internacionalização em empresas como Parque Tecnológico Itaipu, Resultados Digitais e Octadesk.